Influências internas e externas na Obra das Mães e na Mocidade Portuguesa Feminina

DSpace/Manakin Repository

Influências internas e externas na Obra das Mães e na Mocidade Portuguesa Feminina

Show full item record

Title: Influências internas e externas na Obra das Mães e na Mocidade Portuguesa Feminina
Author: Pimentel, Irene Flunser
Abstract: Existe o lugar comum de que as organizações de enquadramento do Estado Novo português seguiram o exemplo daquelas que foram criadas pelo fascismo italiano e pelo nacional-socialismo alemão. No caso concreto das organizações de mulheres e das jovens portuguesas - a Obra das Mães pela Educação Nacional e a Mocidade Portuguesa Feminina, criadas, respectivamente, em 1936 e 1937, pelo ministro da Educação Nacional, António Carneiro Pacheco, é um facto que elas não deixaram de ser influenciadas por outros regimes ditatoriais e mesmo totalitários que assolaram a Europa durante dos anos trinta, ou seja, no período entre-guerras do século XX. É uma análise dessas influências, bem como semelhanças e diferenças entre as organizações salazaristas e a de outros regimes ditatoriais que se propõe neste estudo, onde se começa por tentar vislumbrar que organizações já existiam, em Portugal e em alguns países da Europa, no início da vida dessas organizações do Estado Novo.
URI: http://hdl.handle.net/10437/1927
Date: 2007


Files in this item

Files Size Format View
artigos1.pdf 1.507Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account