Absenteísmo no setor de nutrição em um hospital público de Belém - Pará, ano-2009

DSpace/Manakin Repository

Absenteísmo no setor de nutrição em um hospital público de Belém - Pará, ano-2009

Show full item record

Title: Absenteísmo no setor de nutrição em um hospital público de Belém - Pará, ano-2009
Author: Ozela, Ciléa Maria dos Santos
Abstract: O Setor de uma Unidade de Alimentação e Nutrição, não se caracteriza como atrativo para a mão-de-obra, um dos indicadores para esse fato são os altos índices de absenteísmo. Desta forma, objetivou-se caracterizar o índice de absenteísmo em trabalhadores deste setor de uma instituição Hospitalar pública em Belém-PA no ano de 2009. A amostra foi composta por 63 funcionários. A coleta de dados foi realizada através pesquisa em documentos fornecidos pela instituição. Os dados foram analisados no Software Excel 2007 pertencente ao pacote Office 2007 da Microsoft. O estudo mostrou os elevados índices de absenteísmo no ano em questão principalmente nos meses de julho (9,7%) e setembro (8,9%), sendo que a maioria dos funcionários faltosos é do sexo feminino (81%) e o turno onde estas ausências são mais freqüentes corresponde ao turno da manhã (64,96%). Dentre os vários motivos de faltas, o maior percentual está relacionado à licença saúde. A taxa de absenteísmo mostrou-se como uma relação parcialmente completa, mas que permite uma referência para a intervenção tanto no aspecto preventivo de sua inserção quanto para reparar uma condição já instalada, fazendo-se necessário o desenvolvimento de estudos qualitativos e quantitativos sensíveis às diversas possibilidades de explicação.The Sector of Food and Nutrition Unit, is not characterized as attractive for hand labor, an indicator for this fact are the high rates of absenteeism. Thus, the objective was to characterize the rate of absenteeism among workers in this sector of a public hospital in Belém, PA in 2009. The sample was comprised of 63 employees. Data collection was performed by research documents provided by the institution. The data were analyzed in Excel 2007 software belonging to Microsoft Office 2007 suite. The study showed high rates of absenteeism in the current year mainly in July (9.7%) and September (8.9%), and most employees are female defaulters (81%) and the turn where these absences are more frequent corresponds to the morning (64.96%). Among the several reasons for absences, the highest percentage is related to sick leave. The rate of absenteeism has proved to be a relationship partially complete, but a reference that allows for intervention in both the preventative aspect of its inclusion as a condition to repair already installed, making it necessary to develop qualitative and quantitative studies sensitive to the various possible explanations.
Description: Orientação: Ricardo Figueiredo Pinto
URI: http://hdl.handle.net/10437/2725
Date: 2011


Files in this item

Files Size Format View
Versão final para impressão e encadernação.pdf 1.465Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account