Antioxidantes como substâncias cosmetologicamente activas

DSpace/Manakin Repository

Antioxidantes como substâncias cosmetologicamente activas

Show full item record

Title: Antioxidantes como substâncias cosmetologicamente activas
Author: Fontes, Isabel João Gonçalves
Abstract: A importância que os cosméticos têm hoje em dia é inegável. Este é um mercado crescente, sobretudo na área de produtos que visem cuidar da pele, não só apostando na manutenção e recuperação de uma pele saudável e com boa aparência, como na prevenção de possíveis alterações a que a pele está sujeita. O uso de antioxidantes em cosmetologia é assim uma prática cada vez mais frequente, tanto na sua vertente oral como tópica, contudo ainda se têm que efectuar muitos mais estudos, não só de modo a averiguar a segurança do uso destes compostos a longo prazo, como também para descobrir novos sinergismos entre moléculas e sobretudo novas formas de veiculação. Nesta dissertação são abordados diferentes aspectos introdutórios, tais como o envelhecimento cutâneo – tanto na sua vertente intrínseca, como extrínseca – radicais livres e stress oxidativo, e respectivos mecanismos de defesa, de forma a facilitar a compreensão sobre alguns aspectos sobre antioxidantes específicos, nomeadamente: vitamina A, E, C, coenzima Q10, carotenóides e polifenóis.The importance that cosmetics have today is undeniable. This is a growing market, especially in the area of products that address skin care, investing not only in maintaining and restoring healthy skin and good looks, but also in the prevention of possible changes that the skin is subject to. The use of antioxidants in cosmetology is thus an increasingly common practice, both in its oral and topical form, although numerous other studies have to be performed, not only in order to ascertain the safety of using these compounds in the long term, but also to try to discover new synergisms between molecules and especially new ways of drugs administration. This thesis addresses different introductory aspects, such as skin aging - both in its intrinsic and extrinsic form - free radicals and oxidative stress, and their defense mechanisms, in order to facilitate the understanding of some aspects of specific antioxidants such as: vitamin A, E, C, coenzyme Q10, carotenoids and polyphenols.
Description: Orientação : Manuel Fitas
URI: http://hdl.handle.net/10437/3290
Date: 2013


Files in this item

Files Size Format View
Isabel_fontes.pdf 743.0Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account