Exploração Vocacional, Ajustamento Académico e Personalidade : um estudo com estudantes do ensino superior pós laboral

DSpace/Manakin Repository

Exploração Vocacional, Ajustamento Académico e Personalidade : um estudo com estudantes do ensino superior pós laboral

Apresentar o registro completo

Título: Exploração Vocacional, Ajustamento Académico e Personalidade : um estudo com estudantes do ensino superior pós laboral
Autor: Rodrigues, Cláudia Maria
Resumo: Este estudo caracteriza os processos de exploração vocacional e de ajustamento académico, e os traços de personalidade de estudantes universitários a frequentar o ISLA Leiria. A amostra inclui 115 estudantes, de ambos os sexos (62,6%) mulheres e (37,4%) homens, com idades compreendidas entre os 18 e 61 anos, a frequentar o 1º Ciclo do Ensino Superior, no ano letivo de 2010/2011. As medidas aplicadas foram o Career Exploration Survey (CES, Stumpf et al., 1983, versão adaptada por Taveira, 1997), o Academic Adjustment Questionnaire (AAQ; Lent et al., 2005; versão adaptada por Lent & Taveira, 2004) e o Inventário de Personalidade Neo - Revisto (NEOPI-R; Costa & Crae, 1992; versão adaptada por Lima, 1997). Os resultados indicam que a exploração vocacional dos alunos está ativada, ao nível das suas crenças, comportamentos, e reações à exploração, e que estes se encontram envolvidos em objetivos de trabalho. Verificou-se que não existem diferenças estatisticamente significativas nos processos de exploração vocacional em função do sexo dos participantes e em função dos anos que frequentam. Em termos de personalidade os resultados apresentam um nível de Neuroticismo moderado, assim como uma Abertura à Experiencia moderada também. A Conscienciosidade, a Extroversão e a Amabilidade revelam níveis mais positivos. Não são verificados níveis significantes de diferença em função do sexo de pertença ou do anos que frequentam. Relativamente ao Ajustamento Académico o dado mais relevante é a fraca autoeficácia para ultrapassar obstáculos. Aqui também não são registadas alterações em função do sexo de pertença ou do ano que frequentam.This study characterizes the process of career exploration and academic adjustment, and personality traits of college students attending the ISLA Leiriat. The sample includes 115 students of both sexes, women (62.6%) and (37.4%) men, aged between 18 and 61 years, attending the 1st Cycle of Higher Education, in the academic year of 2010 / 2011. The measures implemented were the Career Exploration Survey (CES, Stumpf et al., 1983, version adapted by Taveira, 1997), the Academic Adjustment Questionnaire (AAQ; Lent et al., 2005; adapted version for Lent & Taveira, 2004) and Neo Personality Inventory - Revised (R-NEOPI; Crae & Costa, 1992; adapted version by Lima, 1997). The results indicate that students' career exploration is activated at the level of beliefs, behaviors, and reactions to the operation, and that they are involved in work objectives. It was found that no statistically significant differences in operating procedures vocations on gender of participants and depending on the attending years. In terms of personality the results showed a moderate level of Neuroticism, as well as a moderate Openness to Experience also. The Conscientiousness, Agreeableness and Extraversion to reveal more positive levels. There are significant levels of observed differences by gender or years of membership who attend. For the Academic Adjustment is the most relevant data to low self-efficacy to overcome obstacles. Here also are not recorded on sex changes of ownership or the year they attend.
Descrição: Orientação : Liliana da Costa Faria
URI: http://hdl.handle.net/10437/3987
Data: 2013


Arquivos neste Item

Arquivos Tamanho Formato Visualizar
Tese Cláudia Rodrigues.pdf 302.1Kb PDF Visualizar/Abrir

Este Item aparece na(s) seguinte(s) Coleção(ções)

Apresentar o registro completo

Todo o Repositório


Pesquisa Avançada

Visualizar

Minha conta