Violência em escolas públicas do estado da Paraíba : impacto do projeto “Escola que Protege”

DSpace/Manakin Repository

Violência em escolas públicas do estado da Paraíba : impacto do projeto “Escola que Protege”

Show simple item record

dc.contributor.advisor Costa, Otaviana Maroja Jales, orient.
dc.contributor.author Queiroz, Rosa Maria Vilar de
dc.date.accessioned 2013-11-07T13:17:19Z
dc.date.available 2013-11-07T13:17:19Z
dc.date.issued 2012
dc.identifier.uri http://hdl.handle.net/10437/4099
dc.description Orientação : Otaviana Maroja Jales Costa ; Co-orientação : Maria Odete Emygdio da Silva pt
dc.description.abstract A presente pesquisa tem por finalidade investigar com os participantes do Projeto “Escola que Protege” quais as violências mais comuns registradas nas escolas e o impacto deste nas atividades desenvolvidas nas escolas no combate à violência. A violência contra a criança e o adolescente representa, atualmente, um grave problema de saúde pública no mundo e a escola é o ambiente frequentado diariamente pelas crianças, por isso torna-se um local de extrema e fundamental importância para o seu crescimento e desenvolvimento, interferindo diretamente em sua postura e comportamento futuros. Optamos por uma pesquisa qualitativa, que por meio das entrevistas pudéssemos verificar o entendimento dos sujeitos desta investigação sobre a violência escolar e a repercussão do Projeto “Escola que Protege” no município. E, ao analisá-las, concluiu-se que as violências mais comuns existentes nos municípios pesquisados não são diferentes das encontradas nas outras regiões do país, onde existe o trabalho infantil, casos de violência doméstica, bullying, além do abuso sexual, que também acomete as crianças destes municípios. Detectamos por fim que o Projeto Escola que Protege, conseguiu alcançar resultados positivos em todos os municípios pesquisados, levando informações importantes aos educadores, capacitando-os para a resolução ou o encaminhamento dos casos de violência infantil detectadas no âmbito escolar. pt
dc.description.abstract This research aims to investigate the participants of the project "School that protects" the violence which registered the most common in schools and the impact of the project "School to Protect" in the activities developed in schools to combat violence. Violence against children and adolescents currently represents a serious public health problem in the world and the school environment is frequented daily by children, so it becomes a place of extreme impor-tance and fundamental to their growth and development, directly interfering in their views and future behavior. We chose a qualitative research through interviews, we found the understand-ing of the subjects of this research on the impact of school violence and school project that protects the city. And in analyzing them, it was concluded that the violence more common in the municipalities surveyed are not different from those found in other regions of the country where there is child labor, domestic violence, bullying, and sexual abuse, which also affects the children in these municipalities. Finally detected that the Bill that Protects School, has achieved positive results in all municipalities surveyed, bringing important information to educators, preparing them for resolution or referral of cases of child abuse found in the school. en
dc.format application/pdf
dc.language.iso por pt
dc.rights openAccess
dc.subject EDUCAÇÃO pt
dc.subject EDUCATION en
dc.subject VIOLÊNCIA ESCOLAR pt
dc.subject SCHOOL VIOLENCE en
dc.subject BRASIL pt
dc.subject BRAZIL en
dc.subject MESTRADO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO pt
dc.title Violência em escolas públicas do estado da Paraíba : impacto do projeto “Escola que Protege” pt
dc.type masterThesis pt


Files in this item

Files Size Format View
Rosa Maria Vilar de Queiroz.pdf 817.3Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account