De Generalista a Especialista : Motivações para a formação especializada em enfermagem : o caso das organizações de saúde públicas, na sub-região oeste do distrito de Lisboa

DSpace/Manakin Repository

De Generalista a Especialista : Motivações para a formação especializada em enfermagem : o caso das organizações de saúde públicas, na sub-região oeste do distrito de Lisboa

Apresentar o registro completo

Título: De Generalista a Especialista : Motivações para a formação especializada em enfermagem : o caso das organizações de saúde públicas, na sub-região oeste do distrito de Lisboa
Autor: Ferreira, Mário Rui de Almeida Costa
Resumo: O presente estudo, enquadrado na área de gestão de recursos humanos, tem como principal objectivo identificar os factores motivacionais que orientam a adesão à especialização, no grupo profissional dos enfermeiros. Trata-se de um estudo de natureza exploratória, transversal, descritivo, analítico, comparativo e quantitativo. A população do estudo foi o grupo de enfermeiros portugueses, sendo a sua amostra composta por 150 enfermeiros. Este grupo foi seleccionado a partir de um processo de amostragem probabilística estratificada, sem reposição. O instrumento de recolha de dados foi o inquérito por questionário. Para o efeito usou-se o questionário da motivação para a formação (QMF) de Carré (2001), tendo sido já adaptado para a população portuguesa por Correia (2009). A formação contínua é uma condição importante no desenvolvimento do indivíduo, quer a nível pessoal, quer a nível profissional; assim como no desempenho da organização onde o indivíduo exerce a sua profissão. O presente trabalho pretende, assim, identificar os factores motivacionais na função de enfermeiro, e que conduzem à adesão da especialização, em particular ao Curso de Pós-Licenciatura em Enfermagem. Numa primeira parte, faz-se a definição e avaliação da função, desenhando-se um mapa de competências; identificando-se, em paralelo, os motivos/expectativas que levam estes profissionais da saúde à especialização desta mesma escala. Decorrente dos resultados obtidos, o presente trabalho conclui que as duas principais motivações dos enfermeiros para a frequência do CPLEE são a motivação extrínseca Operacional Pessoal e a motivação extrínseca Operacional Profissional. Foi ainda possível determinar que a idade, o género, o vínculo à instituição e a situação financeira também têm um papel decisivo no que concerne à motivação dos enfermeiros para a frequência do CPLEE. Este estudo permitiu ainda consolidar o questionário da motivação para a formação desenvolvido por Philippe Carré, aplicado à população portuguesa, de forma a analisar a motivação dos enfermeiros portugueses para a frequência do CPLEE. Quanto às implicações práticas, pretende-se contribuir para o desenvolvimento e melhoria das práticas de recursos humanos no sector da saúde. Balança-se aqui, consequentemente, um equilíbrio entre o diagnóstico organizacional, e a prescrição prática. Potencialmente, poderá servir de roadmap para áreas como o recrutamento e selecção, gestão de carreiras, formação e desenvolvimento, desenho de trabalho e de funções; e, adicionalmente, para uma melhor gestão académica do ensino pós-graduado, na carreira da enfermagem.Current work has adopted the human research management background. The main goal is to identify the professional-social-economic factors that driving the adherence to the specialization. Therefore, to pick up the importance of motivations and personal expectations is also one of the study concerns. Present work follows the quantitative approach. It is an exploratory study, focusing on transversal, descriptive, and comparative analyze. The sample was selected by a statistical probability process, stratified without reposition. The study population was the Portuguese nurses, and the sample composed by 150 nurses, who were given a questionnaire as a data collecting tool. The ongoing training is a criterion of sample selection. It is also a condition of the individual and professional development as well as the organization contribution´s, by which this health professional’s improve their functional skills. In sum, the present assignment aims to identify the motivational factors in nurse’s function. This seems to be the relevant condition to the specialization adherence in the nurses group, namely to the post-graduate degree in nursing. Firstly, the definition and evaluation of the function is made, presenting a competences map purpose. In addition, the reasons and expectations that drive these health professionals to this specialization are presented. Arising from the results, this study concludes that the two main motivations for nurses attending CPLEE are extrinsic motivation and extrinsic Operational Personnel motivation. It was also possible to determine that the age, gender, relationship to the institution also have a decisive role regarding the motivation of nurses to attend the CPLEE. This study allowed us to consolidate the questionnaire for motivation training, developed by Philippe Carré, applied to the Portuguese population, in order to analyze the motivation of Portuguese nurses for attending CPLEE. This work intends to contribute to the development and improvement of human resource practices in healthcare. Balance between organizational diagnosis and the practical prescription. Could be a roadmap for areas such as recruitment and selection, career management, training and development, design and work functions, among others.
Descrição: Orientação : Margarida Piteira
URI: http://hdl.handle.net/10437/4394
Data: 2013


Arquivos neste Item

Arquivos Tamanho Formato Visualizar
Dissertação-ver ... reira aluno nº 2010245.pdf 5.442Mb PDF Visualizar/Abrir

Este Item aparece na(s) seguinte(s) Coleção(ções)

Apresentar o registro completo

Todo o Repositório


Pesquisa Avançada

Visualizar

Minha conta