Vozes d'África Transatlântica: trajetórias estudantis de Cabo Verde e da Guiné-Bissau - programa de estudantes - convénio de graduação

DSpace/Manakin Repository

Vozes d'África Transatlântica: trajetórias estudantis de Cabo Verde e da Guiné-Bissau - programa de estudantes - convénio de graduação

Show simple item record

dc.contributor.advisor Almeida, Maria das Graças Andrade Ataíde de, orient. en
dc.contributor.author Filgueira, Maria Goretti Medeiros
dc.date.accessioned 2014-05-16T11:48:34Z
dc.date.available 2014-05-16T11:48:34Z
dc.date.issued 2014
dc.identifier.uri http://hdl.handle.net/10437/4760
dc.description Orientação: Maria das Graças Andrade Ataíde de Almeida; co-orientação: Óscar Conceição de Sousa pt
dc.description.abstract A presente investigação tem como centralidade a mobilidade internacional de estudantes no caso, a dos africanos oriundos de Cabo Verde e da Guiné-Bissau, participantes do Programa Estudantes-Convênio de Graduação na Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN, inserida no fenômeno da internacionalização universitária, acentuada na globalização. O objetivo principal foi analisar o processo de inserção social e acadêmica desses estudantes, com ênfase para os dos cursos de Arquitetura e Urbanismo, Ciências da Computação, Engenharia da Computação e Medicina, nessa Instituição de Ensino Superior - IES. A metodologia foi norteada pela conjugação dos aportes teóricos e metodológicos qualiquantitativa, em que, na primeira, utilizou-se da entrevista semiestrutura dirigida para dezesseis sujeitos; sendo, a metade estudantes e a outra docentes, cuja análise optou-se pela Análise de Discurso (AD) da linha francesa, resultando as formações discursivas: motivações da mobilidade, registro nacional de estrangeiro, identidade étnica, relações étnicoraciais e o PEC-G: seu funcionamento nas práticas sociais na UFRN. Já a pesquisa quantitativa, foi constituída pela aplicação do questionário para o universo de 40 estudantes dos dois grupos e de todas as áreas de conhecimento, cuja interpretação dos dados, recorreu-se ao Programa SPSS. Já, para o recorte dos cursos específicos, foi utilizado, o do Google Doc, os quais, estão expressos em tabelas e gráficos. Os resultados revelaram que essa mobilidade estudantil africana está imersa por um misto de semelhanças e diferenças entre o Brasil e dos Países Africanos de Língua Oficial Poruguesa - PALOP; e mais dos contextos das hierarquias entre os países centrais, semiperiféricos e periféricos, provocadas pelas políticas de reajustes estruturais sobre os serviços educacionais, Sousa (Santos 2008; 2010), que se refletem nas trajetórias acadêmicas temporária no país de acolhimento. Aqui, também, enfrenta as fragilidades e os avanços das políticas públicas do Sistema de Ensino Superior, implementadas pelo governo brasileiro nas IES. Em termos quantitativos para os quatros cursos analisados, em diferentes e curtos períodos, quanto a distribuição de vagas (acesso), formas de desligamentos e conclusão apontaram especificidades. E, grosso modo, o curso de Medicina, apresentou os melhores índices de conclusão, seguidos, pelos de Arquitetura e da Engenharia da Computação. A maioria dos estudantes são do sexo masculino, mais da metade está representada pelos oriundos de Cabo Verde, o restante, pelos da Guiné-Bissau. Enquanto, no curso de Ciências da Computação, foi nula a conclusão de curso, e em função deste histórico de baixo desempenho dos estudantes-convênio PEC-G, teria havido o fechamento de vagas. Mas, verificando-se, que os índices de conclusão nesses cursos, apresentou uma média abaixo dos cursos de graduação da UFRN, nos quais, esses estudantes são minoria ao lado dos afrobrasileiros nas universidades do Brasil. pt
dc.description.abstract The present investigation had special focus on the international mobility of the African students from Cabo-Verde and Guiné-Bissau, participating in the international undergraduate program firmed by the Brazilian government and some African countries through the Federal University of Rio Grande do Norte state inserted in the general process of academic internationalization that was developed by the process of international globalization. The aim was to analyze how is going the social and academic insertion of the students concerning those ones undergrudating in architecture and Urbanianization, Computational Engineering and Medicine. we used a quantitative and qualitative metodogy first using interviews with 16 subjects; half of them students and the other half teachers for analyses we used the AD (speech analysis) of French orientation with the following discursive items: mobility motivations, foreigner national register, ethnic identification, ethnic racial relations and the program and its development according to the social practices of the university. The quantitative research was made using questionnaires applied to 40 students from all field of knowledge. For data analyses the SPSS program and also, the Google Doc. were used the results been showed through tables and graphics. We could see that the majorities of the students of the program are from Cabo Verde and Guiné-Bissau, as a consequence of the historical and socials similarities between the countries involved and that the links between Brazil and the PALOPS countries do not assegurates insertion and success in their academics activities’ but demands a process of adaptation that includes affirmative action of nationality caused by the social and economics differences among the covenants countries. We Can see that, course of Medicine, presented the best success index, followed, by architecture e Computational Engineering. the majorities of the students are from the masculine gender, more than fifty percent came from Cabo Verde, the other half came from Guiné-Bissau. No one ever concluded the computational science curse, because of this bad performance of the African students in the PEC-G, program the university decided for no more scholarship for African students,. but we must emphasize that the index of conclusion of all the analyzed courses are in the average very low and the PEC-G students together with the afrobrazilians are a minority in those ones . en
dc.format application/pdf
dc.language.iso por pt
dc.rights openAccess
dc.subject EDUCAÇÃO pt
dc.subject ENSINO SUPERIOR pt
dc.subject POLÍTICA EDUCATIVA pt
dc.subject MOBILIDADE ESTUDANTIL pt
dc.subject EDUCATION en
dc.subject HIGHER EDUCATION en
dc.subject EDUCATIONAL POLICY en
dc.subject STUDENTS MOBILITY en
dc.subject ÁFRICA LUSÓFONA pt
dc.subject LUSOPHONE AFRICA en
dc.subject MESTRADO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO pt
dc.title Vozes d'África Transatlântica: trajetórias estudantis de Cabo Verde e da Guiné-Bissau - programa de estudantes - convénio de graduação pt
dc.type masterThesis pt
dc.identifier.tid 201252759


Files in this item

Files Size Format View Description
Maria_Goretti_Filgueira_Dissertação_28JAN.pdf 5.342Mb PDF View/Open Dissertação de Mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account