O fenómeno do bullying: percepções dos agressores, vítimas e suas famílias

DSpace/Manakin Repository

O fenómeno do bullying: percepções dos agressores, vítimas e suas famílias

Show simple item record

dc.contributor.advisor Santana, Suely de Melo, orient. pt
dc.contributor.author Nascimento, Débora Pereira do
dc.date.accessioned 2014-05-20T14:30:18Z
dc.date.available 2014-05-20T14:30:18Z
dc.date.issued 2013
dc.identifier.uri http://hdl.handle.net/10437/4782
dc.description Orientação: Suely de Melo Santana ; co-orientação: Óscar Conceição de Sousa pt
dc.description.abstract A preocupação primordial desta pesquisa foi compreender quais são os mecanismos mobilizadores dos agressores na pratica do fenômeno bullying e os efeitos nas vítimas e famílias. A pesquisa foi realizada com familiares, três vítimas e seis agressores. Efetuou-se à aplicação de entrevistas semi-estruturadas aos participantes. A análise dos dados qualitativos foi realizada pela Análise de Conteúdo Temática (ACT). Os resultados apresentaram causas diferenciadas do bullying como: preconceitos; confiança na própria superioridade; violência, agressão e conflito na mídia; inveja; ambiente familiar; baixa autoestima; falta de valores da vizinhança e da comunidade e ambiente escolar ruim. Como conseqüências do fenômeno emergiram prejuízos acadêmicos e desejo por mudança de escola; estresse, insônia, ansiedade, depressão, medo e insegurança; problemas na autoestima; isolamento social; negação, esquiva e distanciamento; irritabilidade, raiva e hostilidade; satisfação de necessidades; ódio, ira e vingança. As famílias das vítimas sentem descrédito escolar, conflito familiar; ansiedade e preocupações; sentimento de culpa, vergonha, raiva e dor e necessidade de auxílio profissional. Então, sugere-se a mobilização educativa das escolas, famílias, governo e sociedade para prevenção e redução da violência. pt
dc.description.abstract The main worry of this research, was to comprehend what are the mecanisms, that drive the aggressors in practicing the phenomenon of bullying, as well as the effects in the victims and their family. The research was held with families, three victims and six aggressors. We conducted some applications of semistructured interviews to the participants. The analysis of the qualitative data was held by the Thematic Content Analysis (TCA). As for the results, they showed different causes of bullying being: prejudices; confidence in their own superiority; violence, aggression and conflict in the media; envy; familiar environment; low self-esteem; lack of values in their neighborhood, community, and a bad school environment. As consequences of the phenomenon, academic losses emerged and a desire to change schools. Also stress, insomnia, anxiety, depression, fear and insecurity; problems in theirselfesteem; social isolation; denial, avoidance and detachment; irritability, anger and hostility; satisfaction of needs; hatred, anger and revenge. The families of the victims feel discredit in school, family conflict; anxiety and concerns; guilt, shame, anger, pain and a need for professional help. Therefore, it is suggested an educational mobilization of the schools, families, government and society to prevent and reduce violence. en
dc.format application/pdf
dc.language.iso por pt
dc.rights openAccess
dc.subject EDUCAÇÃO pt
dc.subject ESCOLAS pt
dc.subject BULLYING pt
dc.subject EDUCATION en
dc.subject SCHOOLS en
dc.subject BULLYING en
dc.subject MESTRADO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO pt
dc.title O fenómeno do bullying: percepções dos agressores, vítimas e suas famílias pt
dc.type masterThesis pt


Files in this item

Files Size Format View Description
Débora-Nascimento-Dissertação.pdf 1.039Mb PDF View/Open Dissertação de Mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account