A influência da família e da escola na formação de esquemas iniciais desadaptativos em crianças da educação infantil

DSpace/Manakin Repository

A influência da família e da escola na formação de esquemas iniciais desadaptativos em crianças da educação infantil

Show full item record

Title: A influência da família e da escola na formação de esquemas iniciais desadaptativos em crianças da educação infantil
Author: Lira, Nara Neide Teixeira Soares de
Abstract: Este estudo investigou a influência da família e da escola na formação de Esquemas Iniciais Desadaptativos, em crianças da 2ª. etapa da Educação Infantil, matriculadas em escolas de Jaboatão dos Guararapes (PE). Com a escolha de uma abordagem qualiquantitativa utilizou-se questionários, entrevistas e observação sistemática. O programa Statistical Package for Social Sciences (SPSS) permitiu tabular e analisar os dados quantitativos obtidos em 21 questionários respondidos pelas famílias, e 14 questionários respondidos pelas professoras. A Análise de Discurso possibilitou organizar os dados qualitativos obtidos nos depoimentos das professoras em três formações discursivas: o papel da família, o papel da escola e as estratégias utilizadas em sala de aula. Com a observação sistemática, realizada em dois momentos, no primeiro e no segundo semestre do ano, foi possível esquematizar os comportamentos apresentados pelas crianças de acordo com os domínios da teoria dos esquemas de Young. Comprovou-se que práticas parentais negativas podem possibilitar a formação de esquemas desadaptativos nas crianças a partir de 4 anos de idade; há esquemas predominantes conforme o gênero da criança; a escolaridade e a renda familiar podem influenciar a formação de esquemas específicos e a atuação das professoras pode reduzir ou até mesmo extinguir os esquemas que estão se formando.This thesis presents the research’s results on the family and school influences in the formation of Early Maladaptive Schemas in prescholars, enrolled in two schools in the city of Jaboatão Guararapes (PE). The chosen aproach was the qualiquantitative including the use of questionnaires, interviews and systematic observation. The Statistical Package for Social Sciences (SPSS) allowed tabulate and analyze quantitative data obtained from questionnaires completed by 21 families, and 14 questionnaires completed by teachers. Discourse Analysis made possible to organize the qualitative data obtained from teachers interviews in three discursive formations: the role of family, the role of the school and the strategies used in the classroom. With the systematic observation, performed in two stages, the first and second half of the year, it was possible to outline the behaviors exhibited by the children according to the domains of Young’s theory. It was found that negative parenting practices may enable the formation of maladaptive schemas in children from 4 years old, there are prevalent schemes as child gender, educational level and family income can influence the formation of specific schemes and the performance of teachers can reduce or even extinguish the schemes that are forming.
Description: Orientação : Maria das Graças Andrade Ataíde de Almeida ; Co-orientação : Maria de Nazaré Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10437/4945
Date: 2013


Files in this item

Files Size Format View
dissertação Nara Lira.pdf 2.581Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account