A discursividade e as suas inferências no ato da decisão do sentenciar

DSpace/Manakin Repository

A discursividade e as suas inferências no ato da decisão do sentenciar

Show simple item record

dc.contributor.advisor Poiares, Carlos Alberto, orient.
dc.contributor.author Calado, Marilyn Sophie dos Ramos
dc.date.accessioned 2016-05-21T14:01:35Z
dc.date.available 2016-05-21T14:01:35Z
dc.date.issued 2016
dc.identifier.uri http://hdl.handle.net/10437/7005
dc.description Orientação : Carlos Alberto Poiares pt
dc.description.abstract O intuito deste trabalho caracteriza-se por uma meta análise que a partir de um conjunto de estudos e/ou trabalhos de investigação, deu origem a uma análise retrospetiva dos resultados obtidos na aplicação de dois instrumentos, a Grelha de Observação das Motivações Ajurídicas do Sentenciar ( Poiares, 2005) bem como a Grelha de Observação (Louro, 2005). Estas investigações possuem como principal objetivo a análise das potencialidades avaliativas das grelhas referidas anteriormente. Esta dissertação foi concebida a partir da constatação da necessidade de explorar os progressos realizados na área da Psicologia e do Direito enquanto saberes intercontributivos, que erigem como objeto os comportamentos das pessoas. No território português, os autores envolveram-se de corpo e alma com o objetivo de deixarem a sua marca na evolução de um conhecimento que parecia, ainda há vinte e cinco anos, uma sombra na penumbra do crime. Em áreas como a Psicologia do Testemunho e a Psicologia das Motivações Ajurídicas do Sentenciar, pretendeu-se cruzar conhecimentos com o pensamento científico, visando criar instrumentos que permitam compreender o ser humano, que, por qualquer razão, depara no seu caminho com a justiça. Psicologia, enquanto ciência do comportamento, e Direito, como técnica de gestão das desordens, hibridam-se e confluem em constelações de saber: faz-se a intervenção juspsicológica. pt
dc.description.abstract The intention of this work arises from the need to explore the progress made in the area of Psychology and Law as an inter-contributive science in order to construct the studies of human behavior. In the Portuguese territory, authors were fully committed with the aim to leave their mark in the evolution of knowledge, which twenty-five years ago seemed a mere shadow in the darkness of the crime underworld. In areas such as Psychology of Testimony and Psychology of the non judicial motivations of sentencing our intentions are to cross the scientific knowledge and also to illustrate notorious authors who are fighting to create instruments allowing not only to understand the human being who for any reason crossed his path with the justice, but also to understand their basic psychological processes, making them as useful tools that may be helpful in the process of criminalization. Psychology, as the behavioral science and Law, the chaos and disorder manager, can make the perfect fusion in the range of knowledge making justice and psychology happening and working with more efficiency. en
dc.format application/pdf
dc.language.iso por pt
dc.rights openAccess
dc.subject MESTRADO EM PSICOLOGIA FORENSE E EXCLUSÃO SOCIAL pt
dc.subject PSICOLOGIA FORENSE pt
dc.subject FORENSIC PSYCHOLOGY en
dc.subject EXCLUSÃO SOCIAL pt
dc.subject SOCIAL EXCLUSION en
dc.subject DIREITO pt
dc.subject LAW en
dc.subject PSICOLOGIA DO TESTEMUNHO pt
dc.subject PSYCHOLOGY OF TESTIMONY en
dc.subject INTERVENÇÃO JUSPSICOLÓGICA pt
dc.subject FORENSIC PSYCHOLOGICAL INTERVENTIONS en
dc.subject PSICOLOGIA pt
dc.subject PSYCHOLOGY en
dc.title A discursividade e as suas inferências no ato da decisão do sentenciar pt
dc.type masterThesis pt
dc.identifier.tid 201250128


Files in this item

Files Size Format View
TESE FINAL marilyn.pdf 1.097Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account