Violência nos relacionamentos íntimos em estudantes universitários

DSpace/Manakin Repository

Violência nos relacionamentos íntimos em estudantes universitários

Apresentar o registro completo

Título: Violência nos relacionamentos íntimos em estudantes universitários
Autor: Antunes, Orlando
Resumo: O presente estudo teve como objetivo estudar a violência nos relacionamentos em jovens adultos num contexto universitário. Pretendeu-se analisar as diferenças entre homens e mulheres quanto ao tipo e frequência de violência exercida, bem como investigar as atitudes, crenças e utilização de estratégias de resolução de conflitos adotadas nos relacionamentos amorosos. Foi utilizada uma amostra de conveniência, constituída por 523 estudantes do ensino universitário, com uma média de 25 anos de idade. Os participantes preencheram um questionário de dados sociodemográficos e as medidas: Escala de Atitudes acerca da Violência no Namoro, Escalas de Táticas de Conflito Revistas e Lista de Verificação de Sintomatologia de Roterdão. Observou-se que a agressão psicológica é a forma de abuso mais prevalente entre homens e mulheres, seguida do abuso físico e, por último, da coerção sexual. Os homens perpetram mais coerção sexual, contudo, para os outros tipos de abuso não se registam diferenças estatisticamente significativas. Os homens têm atitudes de maior tolerância face à violência nos relacionamentos íntimos. As mulheres são quem mais manifesta tanto sintomatologia física como psicológica.This work intends to study the intimate partner violence in young adults in an university context. It analyses the differences between genders according to the violence type and frequency as well as attitudes, believes and conflict resolution tactics adopted in the intimate relationships. A convenient sample was used with 523 university students, with an average of 25 years old. All the participants filled a survey with sociodemographic data and the measures: The Attitudes Towards Dating Violence Scales, The Revised Conflict Tactics Scales and The Rotterdam Symptom Checklist. It was observed that psychological aggression is the most common between men and women, followed by physical abuse and sexual coercion at last. Men perpetrate more in sexual coercion, however, for other types of abuse there are no significant statistical differences. Men have more tolerant attitudes when confronted with violence in their intimate relationships. Women show more physical and psychological symptoms.
Descrição: Orientação: Américo Baptista
URI: http://hdl.handle.net/10437/7152
Data: 2016


Arquivos neste Item

Arquivos Tamanho Formato Visualizar Descrição
Violência nos relacionamentos íntimos.pdf 1.172Mb PDF Visualizar/Abrir Dissertação de Mestrado

Este Item aparece na(s) seguinte(s) Coleção(ções)

Apresentar o registro completo

Todo o Repositório


Pesquisa Avançada

Visualizar

Minha conta