Gestão de pessoas e a percepção dos profissionais quanto à qualidade dos serviços e ações em saúde nas unidades de programa saúde da família de São José da Laje/Alagoas

DSpace/Manakin Repository

Gestão de pessoas e a percepção dos profissionais quanto à qualidade dos serviços e ações em saúde nas unidades de programa saúde da família de São José da Laje/Alagoas

Show full item record

Title: Gestão de pessoas e a percepção dos profissionais quanto à qualidade dos serviços e ações em saúde nas unidades de programa saúde da família de São José da Laje/Alagoas
Author: Peixoto, Denise Fragoso
Abstract: Esta pesquisa teve por objetivo analisar a gestão de pessoas e a percepção dos profissionais quanto à qualidade dos serviços e ações em saúde prestados ao município de São José da Laje/AL. A motivação para este estudo veio justamente da percepção, através de experiência própria de trabalho, a respeito da forma como a gestão de pessoas vem sendo conduzida naquele município, inclusive por prejudicar de forma expressiva e notória a satisfação dos profissionais e consequente empenho para um atendimento de qualidade junto à população. O levantamento dos dados foi realizado através de questionário entre 87 profissionais da saúde de oito unidades de ESF, no período de julho a outubro de 2014, na cidade de São José da Laje, Alagoas. Avaliou-se o treinamento das equipes de saúde, acesso da comunidade aos serviços prestados pelas equipes de ESF, comunicação com os gestores, acolhimento, motivação, valorização profissional, condições de trabalho, medicação para os usuários e respeito às leis trabalhistas e o apoio matricial necessário e importante para a gestão de pessoas e para a gestão de qualidade dos serviços e ações em saúde que serão prestados a comunidade e aos profissionais de saúde. Os resultados apontaram que a maioria dos profissionais entende que seus treinamentos foram insuficientes em quantidade, conteúdo e metodologia utilizada. Os profissionais identificaram semelhantes limitações da Estratégia de Saúde da Família nos seguintes pontos: alguns serviços inacessíveis à comunidade, a falta de treinamento, acolhimento, valorização profissional, número insuficiente de profissionais e a falta de integração na comunicação entre alguns profissionais e gestores, interferindo na efetividade dos serviços na atenção básica e no fornecimento de informações educacionais. Concluiu-se que identificar essas limitações e os pontos fracos da Gestão de Pessoas e da Qualidade dos Serviços em Saúde no PSF permitiu promover uma valiosa informação, a qual auxiliará na melhoria desses serviços de saúde na atenção básica e na Gestão de Pessoas em São José da Laje e, consequentemente, levará a uma melhor qualidade devida para a comunidade e para os profissionais.This research aimed to analyze the management of people and the perception of professionals about the quality of health services and actions provided to the municipality of São José da Laje / AL. The motivation for this study came precisely from the perception, through their own work experience, about how people management has been conducted in that municipality, including for damage of expressive and noticeably professionals' satisfaction and consequent commitment to an answering quality to the population. The survey data was conducted through a questionnaire among 87 health professionals eight FHS units in the period from July to October 2014 in the city of São José da Laje, Alagoas. Evaluated the training of health teams, community access to services provided by FHS teams, communication with managers, acceptance, motivation, professional development, working conditions, medication for users and respect the labor laws and the matrix support necessary and important to people management and quality management services and health actions that will be provided to community and health professionals. The results showed that most professionals understand that their training was insufficient in quantity, content and methodology. The professionals identified similar limitations of the Family Health Strategy in the following points: some services inaccessible to the community, lack of training, hosting, professional development, insufficient number of professionals and the lack of integration in communication between some professionals and managers, interfering with effectiveness of services in primary care and in providing educational information. It was concluded that identify these limitations and weaknesses of Personnel Management and the Quality of Services in Health at PSF allowed promoting valuable information, which will assist in improving these health services in primary care and in People Management in San Jose Laje and consequently will lead to better quality due to the community and to the professionals.
Description: Orientação : António Augusto Costa
URI: http://hdl.handle.net/10437/7345
Date: 2016


Files in this item

Files Size Format View Description
Denise Peixoto - tese.pdf 1.464Mb PDF View/Open Dissertação de Mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account