Satisfação sexual e qualidade de vida em homens e mulheres após o nascimento de um filho

DSpace/Manakin Repository

Satisfação sexual e qualidade de vida em homens e mulheres após o nascimento de um filho

Show full item record

Title: Satisfação sexual e qualidade de vida em homens e mulheres após o nascimento de um filho
Author: Ribeiro, Elisângela Alves
Abstract: Este trabalho teve como objetivo avaliar a associação entre satisfação sexual e qualidade de vida em homens e mulheres após o nascimento de filho. Foi utilizada uma amostra de 97 participantes que tinham tido um filho nos últimos 18 meses. Foi utilizado um questionário de dados sociodemográficos e clínicos no contexto da transição para a parentalidade, a Nova Escala de Satisfação Sexual e a EUROHIS-QOL-8. Não foram encontradas diferenças estatisticamente significativas entre homens e mulheres relativamente à satisfação sexual nem à qualidade de vida, nem entre participantes que tinham sido pais pela primeira vez ou os que já tinham outros filhos. Os resultados mostraram ainda haver uma relação inversa entre a satisfação sexual e o número de interrupções voluntárias da gravidez, diagnóstico ou tratamento atual de doença física ou psiquiátrica, acompanhamento psicológico ou psiquiátrico e o rendimento líquido mensal. De acordo com os resultados obtidos, em homens e mulheres que tiveram um filho nos últimos 18 meses existe uma relação positiva entre a satisfação sexual e a qualidade de vida. As conclusões deste estudo parecem ser pertinentes no acompanhamento clínico após o nascimento de um filho, bem como para implementação de projetos de promoção da qualidade de vida desta população alvo.This study aimed to evaluate the association between sexual satisfaction and quality of life in men and women after a birth of a child. It was used a sample of 97 participants, who had had a child in the last 18 months. It was used a questionnaire of socio-demographic and clinical data in the context of the transition to parenthood, the New Scale of Sexual Satisfaction and the EUROHIS-QOL-8. No statistically significant differences were found between men and women regarding sexual satisfaction or quality of life, neither between men and women who had been parents for the first time or those who have had other children. The results showed an inverse relationship between sexual satisfaction and the number of voluntary interruptions of pregnancy, current diagnosis or treatment of physical or psychiatric illness, psychological or psychiatric treatment and monthly net income. According to the results obtained, in men and women who have had a child recently there is a positive relationship between sexual satisfaction and quality of life. The conclusions of this study seem to be relevant to clinical practice in couples or patients after the birth of a child, as well as for the implementation of promotion of quality of life projects in this population target.
Description: Orientação: Raquel Pires
URI: http://hdl.handle.net/10437/7964
Date: 2016


Files in this item

Files Size Format View Description
Elisangela Ribeiro - FINAL POS DEFESA.pdf 1.061Mb PDF View/Open Dissertação de Mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account