Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10437/579
Título: The uncanny valley, notes on the realism of “living” creatures in digital games and their relationships with the player
Outros títulos: O vale da estranheza, notas sobre o realismo das criaturas ìvivasî nos jogos digitais e a sua relaÁ„o com o jogador
Autores: Luz, Filipe Costa
Abrantes, João M. C. S.
Damásio, Manuel José
Gouveia, Patrícia
Palavras-chave: GAMEPLAY
DIGITAL GAMES
REALISM
JOGABILIDADE
JOGOS DIGITAIS
REALISMO
EXPERIÊNCIA DO UTILIZADOR
USER EXPERIENCE
Data: 2008
Editora: ARTECH 2008
Resumo: Neste artigo argumenta-se que as simulações numéricas fomentam e exploram relações complexas entre o jogador e o sistema cibernético da máquina que com este se relaciona através da jogabilidade, ou seja, da real aplicação às regras de jogo de tácticas e estratégias usadas pelo participante durante o seu trajecto na aplicação lúdica. Considera-se que o espaço mágico imposto pelo tabuleiro de jogo é mais do que um espaço de confusão entre real e artificial mas antes se apresenta como uma cortina ou interface entre o corpo próprio do participante e a simulação digital inerente ao sistema computacional.
URI: http://hdl.handle.net/10437/579
ISBN: 978-989-95776-3-3
Aparece nas colecções:MOVLAB - Atas de Conferências Internacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Artech_ValeEstranheza.pdf898.06 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.