Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10437/8640
Título: As crianças de famílias beneficiárias de rendimento social de inserção articulação dos planos de desenvolvimento individual e dos planos de inserção
Autores: Vieira, Isabel, orient.
Mira, Dora Cristina Soeiro
Palavras-chave: MESTRADO EM SERVIÇO SOCIAL - GESTÃO DE UNIDADES SOCIAIS E DE BEM-ESTAR
SERVIÇO SOCIAL
INSERÇÃO SOCIAL
CRIANÇAS
RENDIMENTO SOCIAL DE INSERÇÃO
DESENVOLVIMENTO INFANTIL
CRECHES
EDUCADORES DE INFÂNCIA
FAMÍLIA
INTERVENÇÃO SOCIAL
SOCIAL WORK
SOCIAL INSERTION
CHILDREN
SOCIAL INSERTION INCOME
CHILD DEVELOPMENT
DAY NURSERIES
EARLY CHILDHOOD TEACHERS
FAMILY
SOCIAL INTERVENTION
Data: 2017
Resumo: As questões da infância assumem cada vez mais uma importância na sociedade portuguesa. As desigualdades sociais a que assistimos diariamente e a constante transgressão ao superior interesse da criança leva-nos a uma atenção mais centrada naquilo que são os seus direitos. As famílias têm-se deparado com situações graves de desemprego, que as levam a situações de pobreza e exclusão social, e por sua vez à condição de beneficiários de rendimento social de inserção. Cabe-nos a todos, educadores e interventores sociais, o papel de encontrar soluções viáveis de inserção destas crianças e suas famílias, para que consigam voltar a inserir-se na sociedade. É então compreendida a necessidade de uma união e conjugação de esforços, de complementação de práticas, onde Educadores de Infância e Interventores Sociais definam planos comuns, que se complementem no que diz respeito à inserção social das crianças, dos 0 aos 3 anos de idade, de famílias beneficiárias de rendimento social de inserção, em creche. Importa perceber como cada profissional entende o conceito de inserção e em que circunstâncias se cruzam os Planos de Desenvolvimento Individual e os Planos de Inserção Social das crianças de famílias beneficiárias de R.S.I. Palavras
The issues of childhood are becoming increasingly important in Portuguese society. The social inequalities we witness daíly and the constant transgression of the child's superior interest leads us to a more focused attention on what his rights are. As Families have faced severe unemployment, which leads them to situations of poverty and social exclusion, and in turn to the condition of beneficiaries of social insertion income. It is up to all of us, educators and social interveners, to find viable solutions for the insertion of these children and their families, so that they can get back into society. It is then understood the need for a union and combination of efforts, complementing practices, where Childhood Educators and Social Intervenors define common plans, which complement each other with respect to the social insertion of children, from 0 to 3 years of age, of families receiving social insertion income, in infant daycare. It is important to understand how each professional understands the concept of insertion and under what circustances the Individual Development Plans and the Social Inclusion Plans of the children of beneficiary families of S.I.I.
Descrição: Orientação: Isabel Maria Paula Amado de Freitas Vieira
URI: http://hdl.handle.net/10437/8640
Aparece nas colecções:Biblioteca - Dissertações de Mestrado
Mestrado em Serviço Social - Gestão de Unidades Sociais e de Bem-Estar

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
dora mira com júri.pdfDissertação de Mestrado3.28 MBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.